Como lidar com o passado da namorada

Uma pergunta bem recorrente aqui é:  Como lidar com o passado da namorada?

E já começo com uma péssima notícia, o passado da sua namorada é bem pior do que você imagina. E eu sei, isso não ajuda em nada, só piora as coisas, mas não importa o que eu fale aqui, não importa que argumentos eu use, o passado da sua namorada não vai mudar.

Mas eu vou te ensinar a como lidar com isso, através de uma mudança na forma com que você vê os relacionamentos.

Pra que você me entenda com muita clareza, eu vou ilustrar verbalmente essas informações com exemplos extremos. Vamos dizer que nos temos de um lado um relacionamento matrix e de outro um relacionamento alphalife. No relacionamento matrix nos temos um homem que é escravoceta, um cara inseguro, carente, ciumento, dependente e que vive em uma matrix.

E o que eu quero dizer com isso?

Quero dizer que ele vive a vida inteira conforme alguns determinados paradigmas. E são esses paradigmas que criam o homem inseguro carente e sem amor próprio. Então ele passa a adolescência inteira se dando mal com mulheres, e quando finalmente arranja uma namorada, ela se torna uma deusa pra ele. Por diversos motivos, primeiro porque o amor é visto da maneira errada.

Todo lixo mental que nos temos em nos, faz com que nos sintamos um meio-ser humano, ao invés de um ser humano completo. Enfiaram na nossa cabeça que nos devemos procurar a nossa metade da laranja, como se nos fossemos uma metade ao invés de sermos completos. Então  crescemos com essa visão de que nos só vamos ser felizes e realizados se encontrarmos a outra metade.

Se a gente se vê como uma metade, não nos amamos de verdade, mas precisamos de amor próprio. Então o que acontece é que projetamos nas outras pessoas o amor próprio que não temos.

Então uma namorada nos amando, faz com que a gente se sinta completo. E isso se torna essencial na nossa vida, mas não deveria ser assim. Dessa forma os homens supervalorizam a namorada, e acabam dependendo emocionalmente dela cada vez mais. Cada vez mais ela se torna o centro da sua vida e quanto mais apegado você for a ela, mais você vai ser carente, dependente, frágil, inseguro e ciumento.

E essas coisas vão fazer com que você sofra toda vez que lembrar do passado da namorada, o mesmo vale pro sofrimento causado por você imaginar ela ficando com outro, te traindo ou te abandonando.

Quando você decidiu assumir um compromisso com uma determinada pessoa, você se colocou nessa situação. O passado não vai mudar, dizem que as pessoas não são os seus passados, e eu concordo. Mas eu concordo também que o passado da namorada sempre vai incomodar o homem, mas o nível de incômodo está relacionado ao quão desapegado e completo você se sente.

Agora me deixa falar do outro extremo que é o relacionamento Alphalife. Lembrando que eu não estou criando um padrão de relacionamento, isso é apenas para você entender o que eu quero dizer.

No relacionamento alphalife nos temos um cara espiritualmente bem trabalhado, esse cara já entendeu que ele é um ser completo, e isso faz ele ter amor próprio, isso faz ele não buscar amor próprio nas outras pessoas. Isso faz ele não depender emocionalmente de ninguém, e a namorada é um adicional na vida dele.

Os dois se amam, mas não é aquele amor doentio e sim um amor mais tranquilo, um amor que não causa dependência.

Ainda existem ciumes e inseguranças, por que ele não deixou de ser um ser humano, mas ele entendeu que a namorada não é uma parte dele, por que ele é completo, e ela também é completa. Ela faz ele feliz, mas sem ela, ele seria capaz de se fazer feliz.

Tudo isso gera um desapego em relação a ela. Mas esse desapego de forma alguma prejudicaria o relacionamento. E além de tudo, ele se sente livre com ela, e faz ela se sentir livre também. Mas não entenda mal, isso não tem nada a ver com libertinagem.

E se esse cara parar e pensar sobre o passado da namorada, isso incomoda sim, mas se pensar com calma, vai ver que não é realmente importante, porque ele usa o poder do foda-se, por que ele é desapegado e por que não é dependente dessa pessoa. E por que ele se volta pro lado bom do relacionamento, o sexo, a intensidade e o romance. E por que ele também sabe que o relacionamento pode acabar a qualquer momento.

E se acabar ele não vai se matar, por que ele sabe que relacionamento é o tempo em que as duas pessoas ficam juntas e não um acordo que deve durar a vida inteira.

E eu sei que isso é difícil de aceitar logo de começo, e é por isso que se chama mudança de paradigmas.

Pra dar uma resumida em tudo que eu disse: eu acho que o passado da namorada sempre vai incomodar, mas pra aliviar esse peso, cabe a você ver as coisas de uma maneira diferente e isso se relaciona ao viver no agora, a você se sentir completo e você realmente entender que o amor é um negócio que está em você e que não se deve buscar nos outros. Se vier dos outros, aceite, mas não busque nos outros.

Sobre o autor

Copini

Sou o responsável pela Alphalife, nos últimos tempos me dediquei a ajudar os homens a conquistar as mulheres e melhorarem seus relacionamentos.

comentários

Alphalife - Matheus Copini - Todos os direitos reservados 2017