Liberdade, Como ser verdadeiramente livre Parte2

Seja bem-vindo a segunda parte desses vídeos que falam sobre liberdade. Eu me chamo Matheus Copini e eu vou dar continuidade nesse assunto. Só que antes de falar sobre liberdade, é necessário falar sobre o motivo pelo qual você está preso. 
Liberdade, Como ser verdadeiramente livre Parte1

Eu já falei no vídeo anterior que você está preso no próprio ego e na matrix. Lembra do cavaleiro preso na armadura?

Pessoas presas ao próprio ego, tomando atitudes baseadas nos desejos do ego. Todas essas pessoas com todos esses comportamentos formam aquilo que eu chamo de matrix. Que fique claro que a matrix é algo coletivo. A matrix está na TV,  no comercio, na sua família e ela está principalmente na diversão.

Você pode até tentar sair da matrix, e vai conseguir.  Mas uma hora ou outra, em um momento de fraqueza a matrix vai te puxar de volta, você vai ser seduzido por ela novamente. O inconsciente coletivo vai fazer com que você volte a ter esses comportamentos.

Pra sair mesmo da matrix, você precisa matar o próprio ego. Essa é a única foram de sair mesmo da matrix.

O ego é como uma plantinha que precisa ser regada, que precisa de luz e sol. E se tu não rega essa planta, com o tempo, ela acaba enfraquecendo e morrendo. As folhas caem uma de cada vez até que a raiz morre. Não é de uma hora pra outra.

Se parar pra pensar, tudo na vida esta relacionado a egoísmo, orgulho e vaidade. E o mundo seria muito melhor se isso não existisse.

Ok, mas o que se faz quando o ego some? 

Aí você se volta pro seu eu da alma. Lembra do vídeo do poder do agora? Não foi atoa que eu fiz esse vídeo. Foi pra introduzir esse assunto. A iluminação espiritual citada pelo autor, nada mais é do que a morte do ego.

A morte do ego faz, automaticamente, com que nos voltemos e pra dentro de si, nos aproximamos do o nosso eu da alma. E vemos que esse eu da alma, é uma fonte inesgotável de energia e tudo que buscamos já esta ali. O amor a paz a tranquilidade a plenitude o equilíbrio. E vamos descobrindo essas coisas aos poucos.

E a medida que vamos conseguindo isso, acaba sumindo a fome de poder, a ganancia a inveja, a busca de aprovação social a busca de admiração e por aí vai. Só que isso é um processo longo e é uma soma de vários fatores. E todos esses fatores vão ser discutidos aqui nesse canal.

Voltando a falar do ego e da matrix

Eu não posso criar uma fórmula ou um método pra você sair da matrix e transcender o ego. Só que eu posso  fazer é te fazer entender que muitas das coisas que você está fazendo são unicamente do ego.

Tudo começa na infância, quando os seus pais acham que você é uma criança especial. Claro que todo pai tem amor pelos filhos mas você foi uma criança comum, e não foi melhor do que os outros, ninguém é melhor do que ninguém.

E tudo isso continua quando seus pais dizem:

“você precisa ser alguém na vida.”

Olha pra profundidade dessa frase: você precisa ser alguém na vida. Está implícito nessa frase que se você não tiver tal coisa ou se não for tal coisa, você não é ninguém. Provavelmente essas coisas são um diploma, um cargo de algo padrão, dinheiro e status. Desde criança é implantado em você que  precisa buscar o poder.

E ai começa, na sua infância, você querendo ser melhor que seus amigos. Na pré-adolescência você começa notar que as meninas tem uma quedinha pelos caras mais velhos, maiores ou que de alguma forma tem um certo poder.

E ai já está enraizado que você precisa de poder, que pra ter mulheres você precisa de poder, que pra se sentir bem você precisa de poder. Tudo gira em torno de poder. Correr atrás do poder e demonstrar o poder conquistado com ostentação. E aí você vai vivendo a vida e passando os anos sendo jogado de um lado pro outro pela matrix.

A prova disso é chegar na sexta-feira e você ver no seu Instagram aquela fotinho com aquela legenda “sextou”com uns desenho de cerveja do lado. A balada e a bebida é como se fossem o ponto de exclamação da matrix. É como se dissesse: “eu estou até o pescoço na matrix”.

Fale em diversão pra qualquer pessoa, a primeira coisa que vem na cabeça é balada. Fale em conhecer gente nova, a primeira coisa que vem na cabeça é balada. Fale em sedução, conhecer mulheres, a primeira coias que vem na cabeça é balada.

Copini, qual seu problema com balada?

Nenhum, o meu problema é a matrix. O problema são as pessoas que não tem uma vida, que vivem a vida esperando o final de semana, por que no final de semana tem uma balada. Durante a semana elas estão mortas, não fazem nada.
Trabalham, estudam, mas não tem um momento em que elas se sentem bem com a própria presença e que conseguem se divertir consigo mesmas, sem uma influencia externa.

E aí balada acaba virando uma válvula de escape. Pros homens da matrix é a única oportunidade de conhecer pessoas, pegar mulher e se divertir. (Sim, pegar mulher, porque conquistar, lá ninguém conquista ninguém). E para as mulheres é um campo fértil pra ter uma legião de homens inflando o ego delas. É o que eu penso sobre isso tudo, tem os pontos positivos mas não vem ao caso.

Já deve ter acontecido com um amigo seu ou até mesmo com você: terminou o relacionamento e ficou numa bad. E aí chega alguém tentando ajudar e diz: “vou tirar você dessa bad, vou te levar pra uma balada” como se isso fosse resolver alguma coisa. Pra você ver como as pessoas tem enraizado dentro de si de que a única coisa que representa diversão é balada.

Enfim, eu não posso passar horas argumentando sobre algo que você só vai concordar se quiser concordar. Mas eu te dou o conselho de diluir o teu ego, sair dessa matrix, e construir um estilo de vida fora disso, fora de todo esse lixo. E opções não faltam, use a sua criatividade pra pensar em atividades que vão te proporcionar diversão, conhecer pessoas de verdade, e trazer uma tranquilidade pra tua mente e espírito.

E então você vai se sentir LIVRE.

Por que fora na matrix você não precisa provar nada pra ninguém, você não precisa ser o que as pessoas esperam que você seja. Você só precisa ter bom senso.

E nunca esqueça, a sua liberdade termina onde começa a liberdade do outro.


privacy Suas informações estão 100% livres de SPAM.

Sobre o autor

Copini

Sou o responsável pela Alphalife, nos últimos tempos me dediquei a ajudar os homens a conquistar as mulheres e melhorarem seus relacionamentos.

comentários

Alphalife Coach - Matheus Copini - Todos os direitos reservados 2014 - 2016

Baixar Curso Gratuito

Suas informações estão 100% seguras

Baixar Curso Gratuito

Suas informações estão 100% seguras