Mulheres canalhas e interesseiras

Eu quero que você ouça com todas as letras agora a palavra CANALHA. E me diz o que vem na sua cabeça, e eu já sei. É alguma cena de alguma novela da globo em que a mulher chama o homem de canalha.

Essa é a nossa matrix. Está implícito de que a palavra “canalha” é um atributo masculino, mas não, existem mulheres canalhas também. Existem mulheres sexistas, manipuladoras, a podridão do ser humano está em todo mundo.

Só que existe uma coisa chamada escravoceta, que faz com que o homem nunca veja as mulheres como algo ruim, principalmente as mulheres bonitas. Eu não vou definir todos os comportamentos de mulher canalha aqui, por que o meu vídeo pode ter no máximo 6 ou 7 minutos, mas eu vou te falar uma coisa que vai te fazer identificar o que é uma mulher canalha.

Existe uma coisa chamada VALOR.

A sedução gira em torno disso, os relacionamentos, o trabalho, as amizades, quase tudo. A dimensão em que vivemos é uma dimensão relativa. Einstein foi a primeira pessoa a perceber isso, e criou a teoria da relatividade, que você já ouviu falar mas não faz ideia do que se trata.

E isso diz que tudo é o que é por que existem outras coisas pra podermos comparar. Eu só posso saber que uma pessoa alta é alta, por que existem pessoas baixas. A comparação é que me faz ter essa ideia.

O que ta em questão nesse exemplo é a altura, o valor é a diferença de altura entre uma pessoa e as demais.

Como eu disse, tudo gira em torno do valor. E eu só posso atribuir valor a alguma coisa, se as outras coisas tiverem menos valor. Exemplo: você pode se destacar em uma multidão se você aprender a fazer isso, mas se todas as pessoas fizerem isso, ninguém vai ter destaque.

Eu acredito que todas as pessoas tem um valor, cada um tem seu brilho, sua luz.

A chave é que algumas pessoas “aparentam” ter mais valor do que outras. E tudo isso existe por que o conceito de valor, dentro da cabeça das pessoas é deturpado, por milhares de motivos. E isso faz as mulheres (ou as pessoas no geral) se atraírem e se interessarem pelo valor dos outros.

E ai entra toda aquela hipocrisia de sempre. Um homem com um porte físico acima do normal (olha ai a relatividade) agrega valor a ele mesmo. Os bens materiais, o status, a beleza, agregam valor. Aos olhos de interesseiras, mas agrega valor.

É claro que aquilo que ele é por dentro, os valores, p senso de humor, e aquilo que ele é capaz de proporcionar pra uma mulher também agregam valor.

Somando todas essas características nos temos outra palavra: o poder.

E poder é um imã de mulher. Mulheres correm atrás do poder dos homens, e os homens correm atrás do poder pra ter mulheres correndo atrás deles.

Mas quero deixar claro que isso não anula o jogo da sedução , o ato de você seduzir mulheres através do erotismo, das palavras e das emoções. Mas fazendo isso, inconscientemente, você está impondo poder sobre uma vulnerabilidade feminina, as emoções. E se você tem poder sobre ela, você está mais atraente.

E se isso que eu falei fosse mentira, ninguém iria assistir 50 tons de cinza.

Eu acabei de falar que a mulher tem uma vulnerabilidade que é a emoção, a fragilidade emocional. Um homem conhece uma menina, come ela, ela se apaixona, ele some, ela sofre e ele é o canalha. Mas o homem também tem uma fragilidade.

E essa fragilidade é o campo sexual, desejo constante de fazer sexo. Toda humanidade sabe disso, as prostitutas e a pornografia estão aí pra provar. As famosas coma bunda grande, as mulheres que tu segue no Instagram que empinam alguns centímetros de bunda também estão aí pra provar.

Não é uma questão de vestir o que quiser ou fazer o que quiser com o seu corpo. É uma questão de ativar o instinto sexual do homem. Pela sociedade hoje em dia ser podre, as pessoas dizem que isso é normal. Mas é como você trabalhar em um mercado de peixe. O peixe fede, mas as pessoas que trabalham lá estão acostumada com esse cheiro ruim.

Ok, mas quem são de fato as mulheres canalhas e o que elas fazem?

A mulher canalha pra mim é a mulher que tem bem claro pra si mesma, que o corpo e a sensualidade são capazes de manipular os homens e elas fazem isso com o intuito de conseguir alguma coisa. Essa coisa sabe o que é? É o valor.

Não o dinheiro, não os bens materiais, não o status em si, mas o valor.

Você vive repetindo que mulher fica com o cara por causa do dinheiro. Ela só vai ganhar dinheiro de fato, se for prostituta, por que ela não vai casar com todo cara que ela ficar pra ser sustentada, claro que tem pessoas assim., mas não é disso eu eu testou falando.

Então, pela lógica, a mulher não ganha nada ficando com um cara por ele ser rico. Mas as mulheres não são lógicas. Então a nossa equação matemática aqui é o valor.

Nos temos aqui um Zé ninguém e um Zé alguém. Zé ninguém não tem nada, Zé alguém é rico, tem um carro legal, é conhecido por todos e tem PODER.

Instintivamente as mulheres no geral optariam pelo Zé alguém. Por que estão programadas pra se atraírem por esse poder. Mas eu to falando de mulher canalhas, a mulher canalha vai optar pelo Zé alguém não só pra estar perto do poder, mas pra ter o poder pra si.

E ela usa da sensualidade pra manipular esse cara de acordo com as vontades do ego dela. Ela praticamente está se vendendo, se prostituindo. Ela quer sentar a bunda dura com marquinha de bikini na Range Roover, e o cara que se foda. O valor que ele possui é o que interessa.

O sexo que esse cara fez com ela, foi o suficiente pra ser a moeda de troca pelo valor. Quem transa mesmo com elas, é quem vive nas sombras, sem status, mas com o poder de manipulá-las. Mulheres canalhas se vendem, manipulam, não tem um pingo de empatia. Usam da sensualidade como meio pra conseguir o que querem, as vezes ate como moeda de troca. Usam de argumentos liberais e feministas pra justificar as merdas podres que elas fazem.

Quando esse tipo de mulher entra em um relacionamento, manipula o cara, óbvio, exige presentes, viagens, exige atenção, exige elogios, exige tudo o que pode. E é óbvio que vai exigir coisas materiais, por que ela não está feliz com esse cara. Na real, ela nunca vai estar feliz. Ela é vazia, ela perdeu a própria identidade.

Sobre o autor

Copini

Sou o responsável pela Alphalife, nos últimos tempos me dediquei a ajudar os homens a conquistar as mulheres e melhorarem seus relacionamentos.

comentários

Alphalife - Matheus Copini - Todos os direitos reservados 2017