O sexo e o Erotismo

Olá, meu nome é Copini e eu não sou sexólogo, não sou psicólogo e não sou terapeuta, não sou nada. E eu não vou te falar aqui as x dicas pra satisfazer uma mulher na cama, ou pra usar a tua criatividade, testar novos lugares, usar produtos de sexyshop ou fazer sexo oral no sentido horário, anti horário e bla bla bla.

Eu respeito o seu tempo e eu não vou te encher de conteúdo lixo. Eu vou te falar aqui um pouco sobre o sexo e o erotismo, se quiser acreditar em mim, ótimo. Se não quiser, ótimo também.

Tudo no universo possui uma dualidade. A eletricidade por exemplo, só existe por que tem o polo positivo e o negativo, e quando os dois se juntam temos uma faísca e temos a eletricidade.

O homem é o positivo e a mulher é o negativo (ou vice-versa) e quando os dois se cruzam acontece a faísca da atração sexual. E quando eles são um casal eles fazem sexo e a energia que flui entre eles é uma energia vital.

Entenda que pro universo funcionar precisa do positivo e negativo. Um mundo só com homens é o mesmo que morte, um mundo só com mulheres também é o mesmo que morte.

E essa polaridade está no sexo também. Basta você entender que a tua atividade sexual é um fluxo de energia positiva e negativa.  Isso se alterna entre a parte brutal e a parte sensível. A parte animal, selvagem e a parte espiritual. A parte de dar prazer e receber prazer.

Existem momentos me que as pessoas desejam um sexo que seja lento, não necessariamente lento em termos de velocidade mas algo mais profundo. Eu diria até, um sexo a nível de alma. A sua energia se mistura com a energia dela e você não transa com ela só com o pênis, mas com o corpo inteiro, com a alma.

E o sexo não é só pênis, vagina e fluidos. É pele com pele, é cheiro da pele, é a textura da pele , é a expressão de prazer na cara dela. É o cheiro o gosto, o gemido a musica de fundo, o suor o cansaço e por ai vai.

Como eu disse, você quer sentir cada parte do corpo, cada detalhe. E mesmo que as vezes você não entende exatamente o que está acontecendo, a sua alma pede isso. A sua alma pede uma conexão om outra alma.

Mas existem outros momentos em que tanto a sua energia quando a da outra pessoa, pede outra coisa. E o que fala mais alto é o instinto selvagem, o que importa é o estrago, a força, com um tom de agressividade e dominação.

E isso se manifesta através de um sexo mais selvagem, mais prazer carnal mesmo. Eu não vou descrever com detalhes se não isso vai virar um conto erótico, mas você sabe muito bem o que  sente nessa hora. Uma vontade de dominar a mulher, puxar pelo cabelo e invadir ela por todos os lugares possíveis – se é que voce me entende.

É a natureza selvagem do ser humano.

E o mais legal é que se você tem intimidade com a pessoa, esse energia selvagem também vai fluir na mulher. Mulher gosta de um sexo cavalar sim, todas, sem exceções. Algumas apenas mentem pra si mesmas.

E se tem alguma mulher me ouvindo agora esta pensando “ ah eu não gosto dessa coisa animal” para de mentir pra si mesma, você tem um desejo reprimindo e ainda não encontrou a pessoa certa pra botar isso pra fora.

Da mesma maneira que o mito da masculinidade impede o homem de admitir que o gosta do sexo que envolva emoção e entrega. O homem gosta e precisa disso sim. Mas com intimidade, com uma namorada e não em sexo casual.

É claro que quando se trata de sexo com uma pessoa que você conheceu ontem na balada, alguém só pra quebrar o galho, ninguém vai se entregar e ninguém vai envolver a alma nisso.

Mas eu to falando de sexo. E não uma putaria suja.

Putaria é prazer superficial, prazer de ego, prazer fraco. Sexo nesse nível de intensidade é prazer de alma. E claro que o sexo não se resume apenas em uma dualidade de corpo e alma, sensibilidade e brutalidade.

Além do corpo e da alma envolve a mente. Através da expectativa, através de você atribuir importância pra isso.
A intensidade do prazer também ta relacionada a como você o sexo. Se você vê o sexo com algo comum, aquilo vai ser comum.

Eu acho que o sexo deve se visto com uma ocasião, uma situação um contexto. Algo que seja capaz de atingir todos sentidos da pessoa, inclusive a expectativa, o desejo criado antecipadamente através da tensão sexual.

E chegando na hora do sexo, você não deve em momento algum tentar impressionar. Deve deixar as coisas fluírem noturnamente, deixar o seu instinto e a sua alma tomarem conta. Na maioria das vezes vai ser algo incrível, mas nem sempre as coisas vão sair como você quer. As vezes você não vai estar 100%, vai broxar, ou vai gozar rápido demais.

E o que a mulher vai pensar? Não interessa.

O que interessa é que essa é a natureza do homem, da mulher, do ser humano. Siga o fluxo natural da dualidade de energias e pronto. Com o tempo, através da intimidade sexual você vai alcançando um prazer cada vez mais intenso.

 

privacy Suas informações estão 100% livres de SPAM.

Sobre o autor

Copini

Sou o responsável pela Alphalife, nos últimos tempos me dediquei a ajudar os homens a conquistar as mulheres e melhorarem seus relacionamentos.

comentários

Alphalife - Matheus Copini - Todos os direitos reservados 2017